Notícias

19/09/2022 15:30

Aula inaugural do CAP marca os 30 anos do Núcleo de Educação Matemática da Uefs

Em memória aos 30 anos de atuação pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), o Núcleo de Educação Matemática Omar Catunda (Nemoc) realiza, nesta quinta-feira (22), a aula inaugural do Curso de Aperfeiçoamento para Professores de Matemática da turma 2022. O encontro ocorre no auditório III/módulo IV, a partir das 8h, com discussões da mesa de abertura, contando com a participação de ex-coordenadores. Às 8h 30min, o professor doutor da Uefs, Wilson Pereira de Jesus, ministra a palestra “À busca de uma epistemologia do professor: a propósito da construção do número natural”. Em seguida, acontecem as visitas ao Nemoc, 10h, e à Estante Solidária, 10h 30min. O evento dá início ao ciclo de comemorações organizadas pelo Nemoc e reforça o compromisso da Uefs na articulação com a educação básica de Feira e região.

A preocupação formal com o ensino de Matemática surgiu na Uefs a partir de 1986, a partir da inquietação de alguns professores da instituição com o ensino das Ciências e pela iniciativa do professor Carloman Carlos Borges de criar o primeiro núcleo em nossa universidade, o Nemoc. Desde a sua fundação, o Nemoc vem desenvolvendo ininterruptas atividades pedagógicas, extensionistas, de pesquisa e pós-graduação voltadas para o ensino e divulgação da Matemática.Mesmo antes de sua institucionalização, o grupo de professores ligados ao Nemoc, preocupados com a situação do ensino da Matemática na região, elaborou, promoveu e realizou cursos de extensão para professores, bem como para alunos do então curso de Licenciatura em Ciências – Habilitação em Matemática. Logo, o grupo ficou ainda mais conhecido.

Em 10 de setembro de 1992, pela Resolução CONSAD 05/92, o Nemoc foi finalmente institucionalizado. Em 1993, graças à atuação e prestígio do professor Carloman, o extinto Jornal Feira Hoje começou a publicar semanalmente, aos domingos, textos de divulgação científica sobre o ensino de Matemática, pela coluna cujo título apresenta uma das propostas do núcleo: “Pergunte que o NEMOC Responde”. Essas publicações, a partir de agosto de 1993, foram transformadas em Folhetins,que passaram a ser distribuídos nas escolas da rede pública de Feira. A procura e o interesse pelo Folhetim iam crescendo. Foi criado, então, um cadastro de leitores, com distribuição gratuita dos interessados, até que o Folhetim chegou a ser distribuído aos mais diversos pontos do Brasil e em outros países, fortalecendo intercâmbios na América Latina e na Europa.

Com credibilidade consolidada e em cumprimento aos seus objetivos, o Nemoc foi diversificando suas atividades. A partir de 1997, foi construído e instituído o projeto do curso de Especialização em Educação Matemática que, devidamente aprovado pelas instâncias da Uefs e recomendado pela Coordenação de Pessoal de Nível Superior (Capes), começou a sua primeira turma em 1998. Até agora, o Curso de Especialização em Educação Matemática já ofereceu nove turmas e formou 65 especialistas. Hoje, com carga horária de 30h, o curso é realizado presencialmente na Uefs a cada quinta-feira, das 07h 30min às 10h 30min. Com o retorno das atividades presenciais, o Nemoc reabriu para visitação pública a Sala Carloman Carlos Borges. E, na aula inaugural, o núcleo partilha coletivamente essa história que vem construindo pela Uefs em Feira e região.

Acompanhe o Nemoc pelo canal no YouTube e no instagram: @carlomancarlosborges 

 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.