PROJETO I

Proposta de implantação de um laboratório de informática educativa numa escola, onde a direção é favorável a utilização do mesmo

SUMÁRIO

Introdução pg 01

Objetivo geral 02

Objetivo específico 02

Ações 02

I passo - Promover um encontro de sensibilização 03

II passo - Sensibilização dos alunos 04

III passo - O curso de preparação dos professores 04

IV passo - Projeto de utilização do Laboratório de Informática 04

Ante - projeto 05

Conclusão 07

 

INTRODUÇÃO

Com o avanço tecnológico e a chegada do terceiro milênio, surge uma grande explosão da informática em todos os setores de trabalho {Pierre Lévy, 97}. O educacional, a mola básica das formações, deve ser pensado e programado, a fim de estabelecer um ele entre a informatização e o processo educacional como um todo. Cabe a nós, professores, incentivar, objetivar e direcionar o ensino com o uso da informática como ferramenta para a construção do conhecimento.

Atualmente, os computadores encontram-se auxiliando e influenciando o dia-a-dia de cada um. É, mais uma mostra que as escolas devem acompanhar e inserir as novas tecnologias dentro do seu programa educacional, ou senão corre o risco de cair no atraso funcional do ensino obsoleto. O professor, agora assume a postura de facilitador e orientar, usando os mesmos conteúdos, mas com recursos modernos. Cabendo também a ele a função de interpretador do comportamento do educando, visto que ele poderá encontrar alunos que já sabem mais manusear o computador do que ele, mas não têm nenhum direcionamento de como este instrumento pode auxiliá-lo no processo educativo.

Com a chegada dos computadores nesta escola, foi levantada a questão que seus professores têm pouquíssima experiência em computação e nenhum conhecimento do uso de Informática em Educação, surgindo o compromisso da direção em fornecer treinamento e formação nestas áreas.

O procedimento será de 1 computador de última geração, para cada 2 alunos, (da 5ª a 8ª série). Logo no início do processo, a Direção visa motivar os professores com: apresentações teatrais, palestras e situações simuladas, tendo como objetivo sensibilizá-los para o uso adequado do recém conquistado Laboratório de Informática.

A proposta fundamenta-se na teoria construtivista, contando com o apoio de outros profissionais que já atuam nesta área, somando, assim as experiências positivas de outras unidades escolares.

A presente proposta visa utilizar o computador como uma ferramenta educacional para a melhoria da qualidade de ensino, como resultado esperado, os alunos devem ser, assim como o objetivo final , agentes ativos deste processo e os professores assumirão no contexto o papel de facilitador do ensino-aprendizagem.

 

OBJETIVO GERAL

 Democratizar o acesso aos meios de comunicação moderna, incentivando o desenvolvimento dos processos cognitivos, sociais e afetivos.

 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  1. Socializar informações sobre a importância do uso do computador como nova ferramenta didática no processos ensino-aprendizagem, ao mesmo tempo, sensibilizar para a utilização adequada desta ferramenta, estabelecendo as diferenças entre informática e informática educativa.
  2. Proporcionar ao professor a aquisição de conhecimentos e convicção quanto às vantagens e os riscos das metodologias informáticas a adotar na escola, familiarizando-o com o hardware e os o software educativo para que eles possam desenvolver competências na aplicação da Informática Educativa nas suas práticas pedagógicas.
  3. Repensar o papel do professor "informador" e introduzir a idéia do professor "facilitador", segundo a teoria construtivista/interacionista.

 

AÇÕES ( Vamos agora detalhar o processo de implantação do Laboratório de Informática de nossa escola).

I - Passo: Promover um encontro de sensibilização:

OBJETIVO- mobilizar o corpo docente da escola a se preparar para o uso do Laboratório de Informática na sua prática diária de ensino-aprendizagem.

 

COMO

 

ONDE - O encontro acontecerá na própria escola.

QUANDO - Na reunião pedagógica em período integral.

QUEM - Preparado e coordenado pela direção e participado por todos os professores da escola.

. O ENCONTRO

PRIMEIRO MOMENTO: colocação dos professores convidados com duração de 30 minutos cada.

Tema 1: O computador na escola

Tema 2: A Internet, numa perspectiva educacional

Após cada tema um debate.

SEGUNDO MOMENTO: apresentação do teatrinho sobre o computador, com duração também de 30 minutos.

TERCEIRO MOMENTO: o grupo de crianças que já trabalham com informática.

QUARTO MOMENTO: DEBATE utilizando como tema a seguinte questão: Como devemos usar o nosso laboratório?

(no fim do debate a direção colocará juntamente com as demais a sua sugestão para ser votada que será:

II passo - Sensibilização dos alunos

III passo - O curso de preparação dos professores

IV passo - A preparação do projeto de utilização do Laboratório de Informática

Ante - projeto

O que fazer?

Por que fazer?

Para que fazer?

Onde fazer?

Como fazer?

Com que fazer?

Quando fazer?

Com quem fazer?

CONCLUSÃO:

A proposta de apoio ao desenvolvimento e implantação da tecnologia da informática na educação pública dentro desse projeto é de melhoria da qualidade e eficiência do sistema educacional público brasileiro que leve aos alunos de menor poder aquisitivo acesso a recursos tecnológicos possibilitando uma inserção vantajosas no mercado de trabalho, no geral; mas criando meios para evolução do pensamento, raciocínio lógico, assim como todo o desenvolvimento cognitivo do aluno. Usando a técnica dentro de um objetivo múltiplo e contínuo encontrando um caminho atuante e integrante para a formação da cidadania.

 

 Clique aqui para voltar para página principal