Coloração e Montagem de Lâminas

___ :: (Exemplo) :: ___

Dupla coloração Verde IodoVermelho Congo (modificado de Kraus & Arduin, 1997).

  1. Fazer cortes (transversais e longitudinais) de material fresco ou fixado e colocá-los em água destilada;
  2. Clarificá-los em águas sanitária 10% (5 min);
  3. Passar em água acidificada com algumas gotas de ácido acético (5 min);
  4. Corar com verde iodo 1% (30 s a 1 min);
  5. Lavar com água destilada (5 min);
  6. Corar com vermelho congo 1% (5-10 min);
  7. Lavar com água destilada (5 min);
  8. Montar em glicerina 50% ou em gelatina glicerinada.

O Verde Iodo tem afinidade química com a lignina, e o Vermelho Congo com a celulose; assim os tecidos tomarão coloração diferenciada a depender a natureza química das paredes de suas células.

  1. Passar os cortes para a glicerina a 50% (10 min);
  2. Colocar sobre a lamínula um pequeno cubo de gelatina glicerinada, levar a chama até a fusão da mesma;
  3. No centro de uma lâmina de microscopia colocar um dos cortes, retirar com papel de filtro o excesso de glicerina, e cobrir com a lamínula já com a gelatina fundida;
  4. Selar com esmalte incolor de unha ou parafina derretida;
  5. Etiquetar a lâmina com o nome da espécie, órgão, técnica e a data da preparação.