Notícias

20/02/2021 16:20

Horto Florestal é pauta de reunião entre Uefs e Governo do Estado

Esta semana foi realizada uma reunião entre a Uefs e representantes das Secretarias Estaduais de Educação e Administração, para tratar do impacto negativo da cessão de uso de parte do terreno do Horto Florestal para o Tribunal de Justiça da Bahia. Representando a Uefs, participaram o reitor Evandro do Nascimento, a vice-reitora Amali Mussi, o coordenador do Horto Florestal, Clayton Alves e a professora Marilza Neves, pesquisadora do Horto Florestal.

Durante a reunião a reitoria da Uefs e os professores vinculados ao Horto Florestal defenderam a necessidade da reconsideração da decisão. Já os representantes das secretarias estaduais informaram que a posição do Governo do Estado não é favorável à reconsideração, e que ela será oficializada como definitiva.

Diante do exposto, os representantes da Uefs se posicionaram demonstrando a insatisfação com a decisão tomada de forma unilateral e impositiva. Ao mesmo tempo, enfatizaram que, se a cessão de parte do terreno não vai ser revertida, deve haver um compromisso para encaminhamentos que garantam a doação definitiva para a Uefs da área remanescente.

O reitor da Uefs, professor Evandro do Nascimento, considera que “a decisão desvaloriza o trabalho de ensino e pesquisa que vem sendo realizado no Horto Florestal, em um momento que a ciência está sob ataque de um processo de negacionismo”.

O professor Clayton Alves, que coordena o Horto, questionou sobre o processo de doação do terreno para a Uefs e destacou a importância do apoio das Secretarias de Educação e Administração neste diálogo com o governo. “Temos laboratórios e muitos equipamentos caros montados no local e precisamos trabalhar sem a incerteza de que, a qualquer momento, teremos que deixar a pesquisa inacabada ao perder o espaço que nos restou", destacou o professor.


Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.