Notícias

26/09/2020 21:00

Flifs termina com registro de presença de vários estados do país

Superação e resistência foram a marca da 13ª edição da Feira do Livro/Festival Literário e Cultural de Feira de Santana (Flifs), que este ano precisou se reinventar por conta da pandemia do Coronavírus. Durante cinco dias a literatura, a arte, a música, o cordel e participantes de vários estados do Brasil se encontraram num ambiente virtual que possibilitou debates e reflexões transformadoras. O evento terminou neste sábado, com show de encerramento do artista Del Feliz. 

“A Flifs 2020, em versão virtual, superou todas as expectativas. Bem organizada, inclusiva, com debates relevantes, apresentações artísticas, cordel e contações de histórias. Ficaremos na torcida para haver condições de retomar o evento presencialmente em 2021”, destacou o reitor da Uefs, professor Evandro do Nascimento.

De acordo com a coordenadora da Flifs Virtual, Rita Brêda, o evento foi um sucesso e cumpriu os objetivos propostos. “Percebemos que a comunidade acolheu significativamente a realização da Flifs, tivemos boas presenças em todas as atividades. Recebemos depoimentos das pessoas reconhecendo a relevância e desafio de termos realizado a programação. Cumprimos nossa missão, nosso objetivo foi alcançado e a Flifs chegou à casa das pessoas com diálogos, debates e afeto”.

Segundo a comissão organizadora, a presença de educadores foi bastante significativa. Dentre eles, esteve a professora Elizabete Bastos da Silva, que ensina na Rede Municipal e Estadual. “A Flifs Virtual aconteceu de forma graciosa e grandiosa. Promoveu letramentos, como sempre fez, assinando seu nome na história no que se refere a eventos virtuais de cunho literário e de formação leitora. Parabéns pelo evento! Muito feliz em ter participado!”, disse. 

Vale lembrar que todas as atividades que aconteceram nesta edição da Flifs já estão disponíveis no canal do evento no YouTube (FLIFS OFICIAL), para serem acessadas em qualquer tempo. Participaram da Mesa de Encerramento da Flifs, o secretário estadual de Educação, Jerônimo Rodrigues, o gerente do SESC, Fabrício Freitas, a coordenadora do evento, Rita Brêda, e Bárbara Falcón da Fundação Pedro Calmon.

O secretário estadual de Educação destacou o crescimento da Flifs ao longo dos anos e a importância que o evento tem. “Este é um momento de encontro, de estímulo à leitura e às artes. A Flifs nos orgulha muito”, afirmou. Já Fabrício Freitas ressaltou que “esse ano o desafio foi ainda maior, mas com coragem conseguimos entregar ao público fiel da Flifs o que ele merece. É um prazer pra gente do Sesc fazer parte de um projeto tão grandioso”. 

A “Flifs Virtual - Em casa com você”, foi realizada pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), e pelo Serviço Social do Comércio (Sesc). A programação também contou com a organização da Arquidiocese de Feira de Santana, Prefeitura Municipal e Governo do Estado, além de apoio e parceria de outras instituições públicas e privadas.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.